Maria Maria Loja está  promovendo até o dia 05 de Maio de 2012 o  Bazar Solidário,   na Casa da Lua Clube Campestre, na estrada Riachuelo km 5, em Resende(RJ),  cuja renda vai para a Santa Casa de Resende. 

Prestigie este evento porque vale a pena !

 

Projeto Padrinhos da Santa Casa

O projeto Padrinhos da Santa Casa implementado pela provedoria do hospital com o apoio da Associação Educacional Dom Bosco – AEDB, colhe os primeiros frutos, dez meses depois de seu lançamento em julho do ano passado.

No dia 12 de maio, às 18 horas, acontece a solenidade de entrega das novas instalações da Santa Casa. Foram reformados cinco quartos, o corredor de acesso a esses quartos e o Posto de Enfermagem.

O projeto Padrinhos da Santa Casa foi criado com o objetivo de captar os recursos necessários para a reforma de parte das instalações do hospital, a fim de melhorar suas condições físicas, tendo em vista aumentar a receita.

Na primeira etapa do projeto, o objetivo foi conquistar patrocinadores para a reforma dos quartos diferenciados – aqueles com melhor infra-estrutura, que podem gerar receita para a Santa Casa, através de internação particular ou por plano de saúde. “A meta é aumentar a receita da Santa Casa, com a prestação de serviços diferenciados a um público que possui condições de pagamento”, conforme explicou a economista e professora da AEDB, Renata Porto.

A comunidade respondeu prontamente à proposta do projeto. As unidades reformadas que serão entregues à população no próximo dia 12 foram apadrinhadas pelas seguintes empresas, instituição e pessoas da sociedade de Resende: Merisa S.A., BMB Mode Center, AEDB, José Rechuan Júnior, Mário Periquito Filho, Maria Sylvia Simon Esteves e Luiz Carlos Ribenboim.

Doação da MAN Latin America

Este ano, a Santa Casa recebeu outra doação substancial: R$ 400 mil da MAN Latin America e demais empresas integrantes do Consórcio Modular da ex-Volkswagen Caminhões e Ônibus. De acordo com informação da vice-provedora da Santa Casa, Carmen Lúcia Pereira, a Santa Casa já recebeu R$ 200 mil da MAN e os outros R$ 200 mil serão repassados, parceladamente, pelas demais empresas integrantes do Consórcio. Ainda segundo a vice-provedora, o dinheiro recebido da MAN foi usado para pagar uma dívida emergencial e na aquisição de equipamentos para o Centro Cirúrgico do hospital.

Fonte : AEDB – Assessoria de comunicação

 

Santa Casa de Misericórdia – Resende, RJ

Na última segunda-feira, dia 13/09/2010 o prefeito José Rechuam inaugurou a reforma do ambulatório do SUS (Sistema Único de Saúde) da Santa Casa e da unidade do GAPC (Grupo de Apoio a Pessoas com Câncer).

- Queremos aqui fortalecer cada vez mais a importância da Santa Casa para salvar vidas. Somente com a união de todas as pessoas, e de todos os segmentos do município, poderemos manter a Santa Casa no lugar de destaque que a unidade sempre mereceu dentro do sistema de saúde do município – disse.

- Devemos agradecer ainda ao empresariado resendense, que tem apostado nos serviços da instituição e também manifestado seu apoio – acrescentou o prefeito, lembrando que desde o ano passado a Prefeitura de Resende ampliou o volume de repasses de verbas para a instituição em mais de 15%.

Nos próximos meses também serão finalizadas as obras de reforma do centro cirúrgico da Santa Casa, o que vai tornar realidade mais um resultado positivo do esforço comum por essa unidade hospitalar.

O secretário municipal de Saúde, Daniel Brito, lembrou que há dez anos não eram realizadas melhorias no ambulatório, o que reforça a importância dos serviços implementados recentemente no setor. O provedor da instituição, Fernando Rodrigues, por sua vez, frisou que a reforma do ambulatório vai beneficiar diretamente a população de Resende, que utiliza dos serviços da Santa Casa, por meio do SUS (Sistema Único de Saúde). Já o vereador Kiko Besouchet frisou que a implantação do GAPC em Resende vai garantir um atendimento melhor às pessoas portadoras de câncer.

Créditos : PMR

Padrinhos da Santa Casa


Noite de apresentação do projeto Padrinhos da Santa Casa foi um sucesso

Conquista de patrocinadores para a reforma de três quartos diferenciados, de um corredor e do Posto de Enfermagem. Este foi o resultado do evento de apresentação do projeto Padrinhos da Santa Casa, realizado na última segunda-feira, dia 12 de julho, na Associação Educacional Dom Bosco – AEDB.

Os padrinhos que adotaram essas unidades, assumindo os custos da obra e do mobiliário necessário, foram o prefeito de Resende, José Rechuan; a empresa Carbox; a AEDB; o empresário Luiz Carlos Ribenboim; e a presidente da AEDB, Dona Sylvia Simon Esteves. Interessado no projeto, o diretor da construtora Merisa, Alfredo Duarte, solicitou informações mais detalhadas sobre o mesmo, para decidir a forma de participação de sua empresa.

O deputado federal Noel de Carvalho, também presente no evento, comprometeu-se a “dar seu quinhão” e afirmou que vai “ser parceiro nesse esforço para recuperar a Santa Casa de Resende”.

Participação solidária

Solidários à Santa Casa, foram conhecer o projeto diversos empresários, profissionais liberais e autoridades, entre elas, a vice-prefeita de Itatiaia, Gilda Molica; o vereador de Resende Julianelli; os secretários municipais de Finanças, de Indústria  e Comércio e de Assistência Social; a presidente do Conselho Municipal de Saúde; o presidente da OAB-seção Resende e o advogado do Conselho Fundacional para a Infância e a Adolescência de Resende – CONFIAR.

O diretor administrativo-financeiro da AEDB, Mario Esteves, abriu a reunião agradecendo todos os presentes, que atenderam ao chamado para ajudar a Santa Casa de Resende. Destacou o altruísmo e a dedicação do novo provedor, Fernando José Rodrigues, e de toda sua equipe.

Em seguida, falou o provedor que agradeceu o apoio da AEDB e da OAB, a qual também se dispôs a ajudar. Convidou todos a conhecer a Santa Casa, hospital que, apesar de suas enormes dificuldades financeiras e estruturais, consegue realizar 2.000 cirurgias por ano, e é o que apresenta menor índice de infecção hospitalar da cidade, segundo informação de seu diretor técnico, o médico Fernando Bueno.

Reforma da ala diferenciada custa R$ 285 mil

Elaborado pela vice-provedora da Santa Casa, Carmem Lúcia de Souza Pereira, juntamente com a economista e professora da AEDB, Renata Monteiro Porto, o projeto Padrinhos da Santa Casa tem por objetivo captar recursos para reforma da ala das unidades denominadas quartos diferenciados. A recuperação desta ala possibilitará aumentar a receita do hospital, através de internação particular ou  por convênios.

- Os repasses do SUS e da Prefeitura não são suficientes para equilibrar as contas da Santa Casa. Temos que criar condições para que o hospital se mantenha, sem precisar pedir esmola – enfatizou o provedor.

A vice-provedora fez a apresentação do projeto, discorrendo sobre a história da Santa Casa e sua situação atual, quando chegou a um déficit de R$ 4 milhões. Citou as parcerias já estabelecidas: com a CEGIL (reforma do Centro Cirúrgico), INB (reforma do Laboratório de Análises Clínicas e do Centro de Imagem), Grupo de Assistência aos Portadores de Câncer (reforma do Ambulatório); e com a AEDB, na criação e implementação do projeto Padrinhos da Santa Casa.

Ela explicou que o projeto consiste na adoção dos quartos diferenciados por pessoas físicas ou jurídicas, assumindo as despesas com a reforma e compra de mobiliário. O custo total para a reforma de 10 quartos, um corredor e um posto de enfermagem, incluindo a obra e mobiliário, é de R$ 284.881,62.

O advogado da AEDB, Marco Túlio Ramos da Silva, explanou sobre os aspectos legais da doação de recursos pelo padrinho, que se efetivará através de contrato, onde estará definido o prazo de cumprimento e fechamento do mesmo, com a conclusão da obra. Será aberta uma conta compartilhada da Santa Casa com a AEDB, para depósito da doação. A AEDB fará a fiscalização da utilização do recurso doado para os fins contratados e prestará conta ao doador.



Fonte  : Virgínia Calaes – AEDB-RP – Assessoria de imprensa